Yandex

Neo (NEO)

Debora Moedas Vistas únicas: 86
0 (0 Reviews)
Compare with:
Neo (NEO) image

Resenha traduzida – Original disponível em inglês:

https://www.cryptoversal.com/currencies/neo-neo

Descrição:

As tecnologias das criptomoedas e blockchain estão revolucionando o mundo digital como conhecemos. Com avanços inovadores na utilização da internet, gerenciamento financeiro e com o nascimento de economias independentes e sustentáveis, realmente parece não haver limite vislumbrável para a escalabilidade e utilidade da blockchain.

Com a blockchain cada vez mais adotada por países, empresas e indivíduos, apesar de sempre ter os que resistem à mudanças, parece ser apenas questão de tempo até que a economia global seja completamente digitalizada, sinalizando o fim do dinheiro em papel.

Mesmo com as medidas severas de alguns governos e banqueiros [1], o espaço das criptomoedas tem crescido na China, e o interesse pela tecnologia blockchain não deve parar tão cedo. Aliás, já existem alguns gigantes liderando o caminho na criação do que possivelmente será uma plataforma completamente compreensível que permitirá a criação de smart contracts similares aos da Ethereum, mas aceitando base de código e tendo escalabilidade.

Previamente conhecida como Antshares (ANS), a companhia foi renomeada para NEO em junho de 2017, durante uma conferência realizada na Microsoft HQ Beijing. Faz parte da equipe Da Hongfei, um dos fundadores da NEO, e Erik Zhang, que é o desenvolvedor líder do projeto. Hitters Xu (Yiji Xu), que é também fundador da Nebulas (NAS), estava envolvido no projeto por um tempo, antes de focar totalmente a atenção no projeto Nebulas.

NEO é a primeira plataforma blockchain de código aberto da China, utilizando duas criptomoedas, a primeira é a NEO, que pode ser considerado o token de investimento para entrar na plataforma. A segunda é o token GAS, que funciona como uma moeda interna da plataforma, guiando o uso de smart contracts e aplicações descentralizadas. Ambas possuem o limite de 100 milhões.

É fácil perceber as similaridades entre a NEO e a Ethereum; ambas possuem foco em criar e gerenciar smart contracts e DApps, tendo suas próprias moedas internas, GAS e Ether, respectivamente, e seu ecossistema de código-aberto e com suporte de suas comunidades.

O interessante, contudo, são as diferenças entre as duas moedas. A NEO suportará várias linguagens de programação, diferentemente da Ethereum, que só suporta a sua própria linguagem, a Solidity. A velocidade é outra grande diferença entre as plataformas: a NEO sendo capaz de realizar 10 mil transações por segundo, enquanto que a Ethereum realiza 15 transações por segundo. Embora isso pode mudar futuramente, pois a Ethereum trabalha ativamente para melhorar sua velocidade de transação.

Além das diferenças com a linguagem e velocidade, há a questão de público e acessibilidade; a NEO não é localizada o suficiente para ser considerada além do mercado global, o que significa que apenas os que falam chinês podem de fato utilizá-la até então.

Mas para os que podem usá-la, a NEO pode ser considerada uma solução de nuvem pública; um mercado para aqueles que desejam criar contratos e Dapps confiáveis, com escalabilidade, e facilmente acessados; uma “Economia Smart”. Em contraste, a companhia irmã da NEO, OnChain, pode ser vista como uma solução de blockchain para o setor privado, servindo grandes empresas e corporações.

A NEO recebeu os apelidos de “Ethereum Chinesa” e “Assassina da Ethereum”, devido à sua funcionalidade principal de smart contracts que suportam linguagens de programação existentes e apresentam escalabilidade, diferentemente da Ethereum, que baseia seus smart contracts em apenas sua própria linguagem de programação. Isso faz da NEO mais viável no quesito de curvatura de aprendizado e acessibilidade. Essa função da plataforma é chamada NEO Contract.

Outras funções incluem seu “acordo de interoperabilidade cross-chain”, conhecido como NeoX, que é um conjunto de protocolos que permite trocas entre chains. Em termos leigos, significa a possibilidade de criação de contratos que possam ser lidos e validados por blockchains diferentes ao mesmo tempo. [3]

Com relação à funcionalidade dos contratos, o seu NEO Contract suporta C#, VB.Net, F#, Java, Kotlin, Python, e planeja incluir C, C++, Golang, e JavaScript. Em seu Whitepaper, a NEO frisa o fato das múltiplas linguagens suportadas, já que isso faz com que seja possível “exportar código de sistemas de negócios já existentes para a blockchain” [4], o que seria algo de valor inestimável para muitos negócios que desejam entrar para o mundo da blockchain mas não possuem tempo ou recursos para realizar uma reformulação completa.

Além disso, há o algoritmo Delegated Byzantine Fault Tolerance (DBFT) que substitui os algoritmos tradicionais PoW/PoS, sendo possível ter, assim, smart contracts que podem alcançar consenso por acordo da maioria e prevenir que nodes maliciosos afetem a transação. [5]

Isso é intensificado ainda mais pela utilização do NeoFS, que pode ser considerado um armazenamento em nuvem ponto-a-ponto (P2P) descentralizado. Isto abre a possibilidade de acabar com o medo de perda de dados no negócio, já que os dados armazenados existirão sempre em muitos nodes diferentes, que formam a blobkchain.

Ademais, a comunidade oficial da NEO, a Cidade de Zion, criou uma plataforma exchange descentralizada dentro da NEO chamada Neon Meta Exchange (NEX). Este é um passo imenso na funcionalidade da plataforma da blockchain, já que usará o acordo de interoperabilidade entre blockchains, NeoX, permitindo que as pessoas realizem trocas entre diferentes plataformas, mas mantendo a integridade do livro razão da blockchain. Isto também marca o primeiro uso de venda de token sob uma estrutura legalizada, desenvolvida pela NEO Concil, que permitirá a utilização de ICO’s legalmente seguras.

Além disso, a equipe da NEO inventou o NeoQ, uma técnica de criptografia baseada em malhas, que cria problemas que não podem ser solucionados nem por computadores quânticos. Não há nenhuma outra plataforma blockchain que pode se vangloriar dessa medida de segurança até então.

Por tudo isso e mais, a NEO está ganhando muito impulso, preenchendo muitos buracos encontrados em outras plataformas, como a Ethereum. Mas nem tudo é perfeito, a NEO é 100% pré-minerada, com apenas 50% disponível como ICO para os investidores iniciais, e os outros 50% gerenciados pelo NEO Council. [6] É compreensível que isso tenha trazido certa preocupação a alguns interessados no projeto com relação aos efeitos em potencial a longo prazo na sua economia e valor.

Vantagens:

  1. Smart contracts programáveis em linguagens comuns
  2. À prova de computadores quânticos
  3. Operabilidade entre blockchains
  4. Armazenamento em blockchain

Desvantagens:

  1. 100% pré-minerada
  2. Status da NEO é incerto devido ao atual banimento de ICO na China, mas isso pode ser resolvido através da estruturação legal de venda de token.
  3. Ainda não possui uma imensa adoção, como acontece com a Ethereum e Bitcoin.

Como comprar:

A NEO não possui uma ampla gama de carteiras de criptomoedas diferentes, mas ainda assim tem algumas opções disponíveis.

Carteira Hardware: Ledger S Nano

Carteira de papel: Ansy

Carteira na Web: NEO Tracker, NEO Wallet.net

Carteira de Desktop: NEON Wallet, NEO GUI

Atualmente, não há formas de adquirir a NEO com dinheiro tradicional, então primeiro deverá ser comprada outra moeda como BTC ou LTC, de uma das exchanges que suportam NEO. Alguns exemplos de exchanges:

CoinSwitch: https://coinswitch.co/

Cryptopia: https://www.cryptopia.co.nz

Binance: https://www.binance.com

KuCoin: https://www.kucoin.com

Escolha uma carteira entre as opções dadas acima e transfira a quantia de tokens NEO comprada para ela. Por favor, tenha em mente que não é aconselhável deixar qualquer quantia na exchange.

[CITAÇÕES]

[1] https://www.ccn.com/china-looks-ban-centralized-cryptocurrency-trading-reports/

[2][6] https://coincentral.com/what-is-neo-cryptocurrency/

[3] https://www.reddit.com/r/NEO/comments/72lx2b/neox_what_is_it/

[4] http://docs.neo.org/en-us/sc/introduction.html

[5] https://themerkle.com/what-is-delegated-byzantine-fault-tolerance/

0 0

Como nós

Copyright © 2017 - 2019. Todos los derechos reservados.